ARTIGOS E NOTÍCIAS

Seguro Viagem


 

Viajar é maravilhoso, mas já imaginou se você passa um perrengue ao longo do percurso e precisa de serviços de saúde? Tudo pode acontecer, então é melhor se precaver antes para evitar grandes prejuízos na conta bancária e na sua integridade física. Neste post, vamos esclarecer como funciona e quanto custa o seguro viagem.

 

O serviço, oferecido pelas mais diversas seguradoras, procura garantir tranquilidade e segurança em casos de emergência e imprevistos durante as viagens nacionais e especialmente nas internacionais, pois os convênios  comuns não costumam cobrir gastos no exterior. Quebrar um dente, ter uma cólica ou algo mais grave pode se tornar uma verdadeira dor de cabeça fora do país, portanto, se prevenir é o melhor remédio.

 

Seguro viagem é obrigatório?

 

Apesar de muita gente dispensar essa facilidade, dependendo do destino ele se torna obrigatório e não tem como ser ignoradoSe você está programando uma viagem para Europa, por exemplo, todos os países participantes do Tratado Schengen exigem que os viajantes possuam comprovante de contratação de um seguro viagem, com valor mínimo de €30.000, garantindo assistência médica por doença ou acidente. Os países que fazem parte deste tratado são: Bélgica, Dinamarca, Alemanha, Finlândia, França, Grécia, Islândia, Itália, Luxemburgo, Holanda, Noruega, Áustria, Portugal, Espanha e Suécia.

 

O valor varia de acordo com as normas vigentes de cada país. Primeiro, analise as coberturas de cada seguradora e os preços, que normalmente são fechados por pacote, de acordo com o número de dias da viagem. Não se esqueça de pegar o número para chamadas internacionais e o da apólice antes de viajar. Em casos urgentes, pode solicitar ambulância local e pedir reembolso depois.Os fatores que influenciam diretamente no investimento da operadora são idade, cidade/país para onde vai, modalidade (negócios, lazer, estudos, etc) e se inclui esportes de aventura (fator de risco). Por exemplo, na Porto Seguro existem vários planos: Europa, Mundo, Intercâmbio e Tratado de Schengen. Escolha sempre um seguro que atenda às suas possíveis necessidades, porque depois não adianta pedir reembolso por um serviço que o contrato não cobre.

 

Quem quiser garantir o acesso ao Seguro Público, ou seja, seguro gratuito, deverá ser contribuinte de INSS no Brasil. O Certificado de Direito a Assistência Médica Durante Estadia Temporária (CDAM) precisa ser solicitado antes da viagem e é aceito em Portugal, Espanha, Grécia, Itália, Uruguai, Argentina, Chile e Cabo Verde.

 

 



ATENDEMOS TODO O BRASIL!

Assessoria completa para a emissão do seu passaporte com conforto e tranquilidade.

Subir